COMPRAR OU ALUGAR O VESTIDO DE NOIVA?

O que fazer? Comprar ou alugar o vestido dos sonhos? Melhor a emoção de usar um vestido de noiva todinho seu ou a praticidade de um modelo alugado?

É natural ficar indecisa, afinal, você é o centro das atenções. Todos os olhares estarão, feitos holofotes, sob você e, claro, bate aquele “frio na barriga” dando a impressão de há, de fato, “borboletas no estômago”. A modelagem, o tecido, o caimento… tudo precisa estar perfeito, né? Nenhuma noiva que arriscar nesse dia.

O principal ao escolher seu vestido de casamento é focar nos seus objetivos e orçamento. Mas existe uns segredinhos que podem lhe ajudar a fazer uma boa escolha e equilibrar seu sonho ao orçamento disponível.

O primeiro deles é, logo após você ter uma ideia do estilo de vestido de noiva que sonha em usar no grande dia, fazer uma breve pesquisa para descobrir quanto custa este tipo de modelo, ou seja, qual o valor deste vestido para compra e quanto para aluguel, entende?  Procure pesquisar por estilo e também por marca ou estilista porque os valores variam muito, sabia? Modelos parecidos podem variar bastante de valor dependendo da região do país ou de quem assina a grife do vestido desejado.

Na média, o valor de um vestido de noiva alugado é até 30% do custo de compra de vestidos já fabricados e expostos em lojas. Quando o assunto é vestido de noiva sob medida, aí não dá pra ter referência porque aqui se aplica aquele dito popular: “pra cada cabeça, uma sentença”.

Por essa razão, minha dica é: pesquise bem antes de decidir pela locação ou pela comprar. Outro fator importante é considerar que, peças novas normalmente se desvalorizam cerca 50% após o primeiro. Portanto, optar por primeiro aluguel, também pode ser “salgado” (mas não se “prenda” à isso, tá? Estou apenas deixando você por dentro dos fatos).

Aí você pode me perguntar: “E a partir de quanto eu encontro um vestido de noiva para alugar?” Não tenho como lhe responder, viu? Depende muito da região, da cidade e até do bairro, sabia?  Quando o assunto é custo, o quesito vestido de casamento sai do contexto previsível porque pode sair de um patamar de R$ 300,00 para R$ 300 mil, por exemplo.

Tenha em mente que, vestido com muitos bordados feitos à mão, cristais, tecidos importados e assinatura exclusiva, recebe um valor agregado bem maior.

O legal é que o mercado oferece soluções para todas as necessidades e bolsos. Por exemplo, se você sonha em casar vestida em um modelito assinado por um grande nome da alta costura, mas não tem condições financeiras para realizar esse sonho em primeira mão, existe uma alternativa para isso, sabia? Você pode escolher um vestido de casamento da coleção anterior! Seja diretamente no atelier de seu estilista preferido ou em brechós que, diga-se de passagem, movimenta boa parte do mercado de casamento.

Outra alternativa bacana é fazer busca em sites de desapego onde as pessoas vendem itens semi-novos e em perfeito estado de uso. Nesses tipos de sites você pode encontrar o vestido ideal por um precinho especial, praticamente o valor de um aluguel.

Lembrando que, antes de decidir sobre o vestido dos sonhos, determine antes, quanto quer e pode investir nele. Após essa decisão, considere os seguintes fatores:

  • A cerimônia será́ de dia ou à noite? Em regra geral, o casamento diurno é mais informal, leve, pede algo menos chamativo. Já os eventos noturnos permitem caprichar no brilho, bordado, volume e cauda. No entanto, entenda que o casamento é seu e vale o que lhe fizer se sentir maravilhosamente bem em seu grande dia.
  • Qual o tipo de festa? Comemorações sofisticadas precisam de um vestido de casamento à altura. Exigem corte diferenciado, modelagem e tecido perfeitos. Nas festas mais intimistas, modelitos menos chamativos são mais indicados.
  • Pesquise referências e crie uma pastinha para elas. A ideia é ter fotos que mostrem o conceito do vestido ideal. Veja tendência aqui
  • Experimente modelos que valorizam seu corpo. Após escolher o vestido perfeito, evite provar outros. Esqueça esse item e volte sua atenção sobre o planejamento do casamento
  • Escolha até duas pessoas de sua confiança para ajuda-la na escolha. Mais que isso pode causar “dor de cabeça” porque muitas opiniões sobre um tema tão delicado pode gerar insegurança.
  • Se possível, dê prioridade ao conforto! Evite escolher seu vestido de noiva somente pelo preço, grife, estilista ou modismo. Você precisa se sentir linda sim, mas confortável também! E ainda sobre conforto, aqui entrar uma dica: escolha bem o sapato que vai usar no grande dia porque ele será seu amigo ou não, tá? Veja aqui dicas de como escolher esse acessório fundamental para seu conforto!
  • Ateliê de vestido de casamento costuma oferecer a alternativa do “primeiro aluguel” e isso pode ser uma boa opção pra quem quer uma peça exclusiva, mas não pode ou não quer comprar.
  • No aluguel tradicional, você opta por um modelo que já́ foi usado (uma ou mais vezes) e ele é ajustado à suas medidas. E aí o valor sempre é mais acessível do que o primeiro aluguel. Se você faz a linha desapegada, não pretende guardar o vestido do casório para sempre, ou seja, as fotos já bastam como recordação, o aluguel é a solução mais adequada.
  • A economia feita no aluguel do vestido de casamento pode ser significativa. Sem falar na praticidade de um modelo já pronto, que às vezes só precisa de pequenos ajustes. Com ele, você já consegue se visualizar como ficará no grande dia. Ah… Quando for experimentar o vestido de casamento, lembre de levar o sapato de noiva que usará em seu grande dia, assim você terá uma ideia exata do seu #lookbride
  • Se sua decisão for comprar o vestido de noiva, tenha em mente que ele é semelhante a uma joia rara e que, após o uso, deverá ser guardada com todo carinho. Ele vai precisar receber manutenção para permanecer perfeito, tipo: lavar e e dar “banho de sol” ao menos uma vez ao ano”. Também vais precisar de um espaço para guardar fresco e arejado para manter essa peça em perfeito estado de conservação.

Mas se você é daquelas que quer exclusividade, vai comprar o vestido dos sonhos, mas não quer guardar ele com você, sugiro duas alternativas:

  • Desapegue mesmo! Venda por um precinho justo, levante uma grana e, de quebra, realize o sonho de outra noiva.
  • E que tal uma sessão de fotos no estilo “Trash the Dress”? Já que você não quer ficar com ele, desapegue de vez e guarde apenas as recordações na mente e nas fotografias.

Comprando ou alugando, uma coisa não muda: você terá que pesquisar antes de decidir. Seja usando o tradicional método do “bater perna” de loja em loja ou simplesmente usado o internet para encontrar seu vestido dos sonhos, a pesquisa é fundamental. E falando em encontrar vestido de noiva na internet, lembro às mais corajosas que vocês podem comprar em sites da China.

Como você viu, há vantagens e desvantagens na compra e no aluguel do vestido de casamento. Com base nas suas prioridades, coloque prós e contras na balança e analise o que melhor se encaixa em seu sonho e bolso,  antes de chegar  à uma conclusão. O mais importante é saber que, independente de comprar ou alugar, o vestido de noiva precisa ter a sua cara, seu estilo, seu jeito único de ser e viver!

Difícil decidir? Pense numa coisa difícil é essa tal de escolha, né? Mas a vida é cheia delas, concorda? E adiar a escolha do vestido de noiva por tempo demais pode aumentar a ansiedade, além de fazer perder boas oportunidades.

O caminho do altar você já decidiu. Agora, aproveite as sugestões de hoje para chegar até ele com estilo, conforto, segurança e deslumbrante, como merece!

Beijão e toda a felicidade do mundo pra você!